Álvaro Parente

sábado, 4 de outubro de 2014

Álvaro Parente (nasceu no Porto, 4 de Outubro de 1984) é um piloto português de automobilismo. Pilotou karts, fórmula 3, de A1 GP, e até de Fórmula 1, apesar de ainda não ter competido na categoria rainha.

Começou a carreira nos Karts. Tem no seu palmarés vitórias na Portuguese Championship Cadet (Kart) em 1994, na Portuguese Championship Junior (Kart) e European Championship ICA Junior (Kart) em 1998, na F3 Inglesa em 2005 e na World Series by Renault em 2007. Participou ainda, sem ser classificado, no GP de Macau de F3 de 2003 e 2004 e na Masters of Formula 3 de 2005.

Devido a ter sido vencedor das World Series by Renault em 2007, Álvaro Parente testou a 17 de Janeiro de 2008 um Renault F1 como prémio. Teve um bom desempenho, fazendo 1m21.721s, a apenas 2 décimos do já conhecedor Nelson Angelo Piquet e sendo elogiado pelo Eng. Chefe da Renault F1.

Em 2008 Álvaro Parente estreou-se, a 25 de Abril, no campeonato GP2. Na qualificação para o Grande Prémio de Espanha na categoria o piloto obteve o 2º lugar. Já na 1ª corrida do Grande Prémio de Espanha da GP2, a 26 de Abril, o piloto obteve a sua primeira vitória na GP2, logo na sua primeira corrida. Álvaro concluiu o seu primeiro fim-de-semana de GP2 no dia a 27 de Abril, obtendo o 7º lugar na 2ª corrida do Grande Prémio de Espanha da categoria. Terminou a época com 34 pontos, com um 8º lugar, sem conseguir mais nenhuma vitória, embora conquistando 3 pódios, sendo forçado a desistir em 8 das 20 corridas do campeonato.

Em 2009 fez 3 rondas do campeonato GP2 Ásia pela equipa My Team Qi.Meritus, onde não conseguiu qualquer resultado de relevo, conseguindo apenas 1 ponto no campeonato.

Antes de ingressar no campeonato principal de GP2, participou numa corrida do campeonato espanhol de GT, onde na sua primeira experiência com um carro de GT a nível competitivo conseguiu o feito de ir para a boxe com vista a trocar de piloto com cerca de 20 segundos de vantagem face ao 2º classificado, mas a corrida acabou aí para a equipa Aurora Racing Team, quando aconteceu um princípio de incêndio no carro.

O campeonato de GP2 foi o campeonato principal onde participou em 2009, pela equipa Ocean Racing Technology. A 29 de Agosto de 2009 venceu a corrida de Spa-Francorchamps, após ter obtido a pole-position, alcançando também a volta mais rápida. Uma semana depois, participou a título extraordinário na SuperLeague Formula pela equipa do FCP, onde venceu a segunda corrida.

Fechou a temporada na corrida "em casa", no circuito do Autódromo Internacional do Algarve, onde obteve um 4º lugar na segunda corrida, finalizando o campeonato ao repetir o 8º lugar final que havia alcançado na época anterior, também com 1 vitória e uma pole position.

Posts Relacionados