Ricardo Sperafico

quarta-feira, 23 de julho de 2014

Ricardo Luiz Sperafico ou Ricardo Sperafico (23 de julho de 1979, Toledo, Paraná) é um piloto brasileiro de automobilismo. Irmão gêmeo do também piloto Rodrigo Sperafico e primo de Rafael Sperafico que faleceu em um acidente correndo pela Stock Car Light em 2007.

Iniciou sua carreira no kart e em 1997 partiu para a Grã Bretanha, onde correu na Fórmula Ford local. No ano 2000 competiu na Fórmula 3000 Italiana,  sagrando-se campeão na primeira temporada. Em 2001, ingressou na F-3000 Internacional pela equipe Petrobras Júnior. Após três temporadas, onde conseguiu um vice-campeonato, realizou testes na equipe Williams F1, mas não logrou êxito em ingressar na Fórmula 1. Na temporada 2005 competiu na hoje extinta Champ Car pela equipe Dale Coyne, onde teve uma passagem discreta.

Competiu na extinta F-3000 Internacional pela equipe Petrobras Junior. Fez alguns testes pela equipe BMW Williams F1, mas não logrou êxito em conquistar um lugar na categoria máxima do automobilismo. Tentou a sorte nos EUA, competindo um ano pela equipe Dale Coyne, na extinta Champ Car.

Em 2007 regressou ao Brasil para competir na Stock Car pela equipe WA Matheis, segundo time da equipe Medley Andreas Matheis.Teve como companheiro de equipe o paulista Guto Negrão.Marcou duas poles (Rio e Buenos Aires) e subiu ao pódio no Rio (ficou em segundo lugar),finalizando o campeonato em 14º lugar,com 58 pontos.

Em 2008 passou a integrar a equipe Panasonic Racing de propriedade do piloto paranaense Ricardo Zonta.Após um complicado campeonato,com a equipe ameaçada de rebaixamento,deu uma arrancada espetacular:um quinto lugar em Brasília e um segundo lugar em Interlagos salvaram a Panasonic da queda e o fizeram continuar mais um ano na equipe.Em 2009, terá o irmão gêmeo em provas do campeonato.É a primeira vez que irmãos gêmeos disputam o campeonato pela mesma equipe,garantindo algumas "confusões" entre os mecânicos e engenheiros da equipe.Em 2010,após passar parte da temporada parado,volta às pistas pela equipe HotCar,substituindo Norberto Gresse,que se acidentou e quebrou a clavícula.

Em 2013, Sperafico defende a equipe Chevrolet Officer ProGP.1

Posts Relacionados