Carel Godin de Beaufort

sexta-feira, 10 de abril de 2015

Nome
Carel Godin de Beaufort
País
Nascimento
10/04/1934
Morte
03/08/1964
Primeiro GP
Último GP
Melhor Grid
Melhor Resultado
6 – (4 vezes)
Equipes
Site


Estatísticas de Carel Godin de Beaufort
GPs
31
Largadas
28
Títulos
0
Vitórias
0
Poles
0
Pódios
0
Pontos
4
Volta + Rápidas
0
Voltas
1351
Voltas como líder
0

Ano a ano de Carel Godin de Beaufort
Ano
Equipe Motor GPs Pódios Poles Voltas VMR Líder Med Pts Pontos
Porsche
2
0
0
0
0
0
8
0
0
0.00
0
Porsche
8
0
0
0
0
0
426
0
0
0.25
2
Porsche
9
0
0
0
0
0
401
0
0
0.22
2
Porsche
6
0
0
0
0
0
247
0
0
0.00
0
Cooper
1
0
0
0
0
0
69
0
0
0.00
0
Maserati
Porsche
2
0
0
0
0
0
108
0
0
0.00
0
Porsche
2
0
0
0
0
0
72
0
0
0.00
0
Porsche
1
0
0
0
0
0
20
0
0
0.00
0

Temporadas de Carel Godin de Beaufort
47
44
32
35
19
17
14
34

Resultados de Carel Godin de Beaufort
4 vezes
2 vezes
1 vez
2 vezes
10º
5 vezes
11º
3 vezes
13º
1 vez
14º
4 vezes
16º
1 vez
NC
5 vezes
NL
1 vez
NQ
2 vezes

Corridas de Carel Godin de Beaufort
Ano
GP
No
Equipe Motor
Grid
Pos
Volta mais rápida
Líder
Abandono
Pts
31
GP da Alemanha
29
Porsche
23
NL
Acidente Fatal
0
30
GP da Holanda
28
Porsche
17
NC
Motor
0
29
GP da África do Sul
14
Porsche
20
10
0
28
GP do México
12
Porsche
18
10
0
27
GP dos EUA
12
Porsche
19
6
1
26
GP da Itália
28
Porsche
0
NQ
Não qualificado
0
25
GP da Alemanha
17
Porsche
17
NC
Roda
0
24
GP da Inglaterra
23
Porsche
21
10
0
23
GP da Holanda
32
Porsche
19
9
0
22
GP da Bélgica
29
Porsche
18
6
1
21
GP da África do Sul
15
Porsche
16
11
Alimentação
0
20
GP dos EUA
12
Porsche
13
NC
Acidente
0
19
GP da Itália
32
Porsche
20
10
0
18
GP da Alemanha
18
Porsche
8
13
0
17
GP da Inglaterra
54
Porsche
17
14
0
16
GP da França
38
Porsche
17
6
1
15
GP da Bélgica
7
Porsche
13
7
0
14
GP de Mônaco
44
Porsche
0
NQ
Não qualificado
0
13
GP da Holanda
14
Porsche
14
6
1
12
GP dos EUA
74
Porsche
15
7
0
11
GP da Itália
31
Porsche
17
14
0
10
GP da Alemanha
56
Porsche
18
16
0
9
GP da Inglaterra
14
Porsche
17
NC
Temperatura
0
8
GP da França
22
Porsche
14
11
0
7
GP da Bélgica
8
Porsche
15
14
0
6
GP da Holanda
20
Cooper
17
8
0
5
GP da França
42
Maserati Maserati
20
9
0
4
GP da Holanda
15
Porsche
14
10
0
3
GP da Alemanha
18
Porsche
15
NC
Motor
0
2
GP da Holanda
18
Porsche
17
11
0
1
GP da Alemanha
27
Porsche
20
14
0
 
Companheiros de Carel Godin de Beaufort
Temporada
Equipe Companheiro
Melhor Pos
Pontos
Vitórias
Poles
Corrida
Grid
Porsche Edgar Barth
14
12
0
0
0
0
0
0
0
1
0
1
Porsche Umberto Maglioli
14
17
0
0
0
0
0
0
1
0
0
1
Porsche Edgar Barth
20
6
0
0
0
0
0
0
0
1
0
1
Maserati Asdrúbal Bayardo
9
22
0
0
0
0
0
0
1
0
1
0
Maserati Fritz d`Orey
9
10
0
0
0
0
0
0
1
0
0
1
Maserati Giorgio Scarlatti
9
8
0
0
0
0
0
0
0
1
1
0
Cooper Bruce McLaren
8
16
0
0
0
0
0
0
1
0
0
1
Cooper Chris Bristow
8
15
0
0
0
0
0
0
1
0
0
1
Cooper Henry Taylor
8
7
0
0
0
0
0
0
0
1
0
1
Cooper Jack Brabham
8
1
0
8
0
1
0
0
0
1
0
1
Cooper Maurice Trintignant
8
13
0
0
0
0
0
0
1
0
0
1
Cooper Tony Brooks
8
17
0
0
0
0
0
0
1
0
0
1
Porsche Dan Gurney
7
2
0
13
0
0
0
0
0
6
0
6
Porsche Hans Herrmann
14
13
0
0
0
0
0
0
1
1
0
2
Porsche Jo Bonnier
7
5
0
2
0
0
0
0
2
4
0
6
Porsche Ben Pon
6
20
1
0
0
0
0
0
1
0
1
0
Porsche Dan Gurney
6
1
2
15
0
1
0
1
2
5
0
7
Porsche Heini Walter
13
14
0
0
0
0
0
0
1
0
1
0
Porsche Jo Bonnier
6
5
2
3
0
0
0
0
3
4
0
7
Porsche Nino Vaccarella
13
15
0
0
0
0
0
0
1
0
1
0
Porsche Gerhard Mitter
9
4
0
3
0
0
0
0
1
1
0
2

Jonkheer Carel Pieter Antoni Jan Hubertus Godin de Beaufort, mais conhecido como Carel Godin de Beaufort ou também Carel de Beaufort (Maarsbergen, 10 de abril de 1934 - Colônia, 2 de agosto de 1964) foi um ex-piloto de automobilismo dos Países Baixos. Ele disputou oito temoradas de Fórmula 1, marcando quatro pontos ao todo.

Último piloto de linhagem nobre a correr na F-1, Beaufort chegou à categoria em 1957, competindo pela Ecurie Maarsbergen, uma escuderia que corria com carros da Porsche, e que defenderia durante a maior parte da carreira. Em 1959, ele correu apenas o GP da França pela Scuderia Ugolini, que utilizou um carro da Maserati para tal ato.

Ainda em 1959, o holandês sofreria um espetacular acidente no temido circuito de AVUS, onde uma etapa preliminar acontecia. Carel passou por cima do paredão de 45º de inclinação que formava a curva Norte do circuito. O carro voou acima das árvores ao redor da pista e, de forma inacreditável, caiu em pé. Ele voltou à pista passando por debaixo do paredão da curva Norte e foi desclassificado por este motivo.

Em 1960, voltou à Ecurie Maarsbergen (que passaria a usar um carro da Cooper), mas não conseguiu marcar pontos ao chegar em oitavo no GP da Holanda.

A partir de 1961, Beaufort competiria com mais frequência na F-1, sempre pela Ecurie Maarsbergen, e em 1962, marcaria seus primeiros pontos na carreira, feito repetido no ano seguinte.

Com seu Porsche ficando cada vez mais ultrapassado, Beaufort era apenas um mero figurante nas corridas, mas um dos personagens mais populares dos boxes. Por achar que o excesso de peso prejudicava o seu desempenho, o holandês obrigou toda a equipe a acompanhá-lo numa dieta rígida, baseada em biscoitos de qualidade duvidosa. Além disso, o nobre também iniciou aulas de judô com Anton Geesink, que viria a ser medalha de ouro nas Olimpíadas de 1964, no Japão. Nada deu certo, e Carel jamais deixou de ser gordo.

O excesso de peso, porém, não afetava o sucesso de Carel com as mulheres. Em 1963, o holandês estacionou seu carro na pista durante o treino classificatório para o GP da França. Todos achavam que Carel havia sofrido uma quebra mecânica. Ledo engano - o piloto parou para falar com uma jovem que estava à beira da pista e oferecê-la um passeio ao redor do circuito. Enquanto o treino continuava normalmente, Carel levou a moça para um "test-drive" dentro do carro, e tal fato irritou profundamente os organizadores.

A 1 de agosto de 1964, o nobre chega ao circuito usando perucas ao estilo Beatles. Antes de entrar no carro para o treino classificatório, ele passa o tempo inteiro divertindo mecânicos e pilotos com brincadeiras. Finalmente, ao assumir o cockpit do Porsche, vai de encontro ao destino.

Apenas em sua quinta volta, Carel perde o controle do carro de maneira súbita (provavelmente por falha mecânica), indo direto ao encontro das árvores ao lado da pista. O holandês é socorrido e levado imediatamente ao hospital, onde os médicos chegam a dizer que ele está fora de perigo. Entretanto, Beaufort tem uma súbita recaída durante a noite de domingo, não resistindo logo depois.

O holandês tinha apenas 30 anos de idade. Na época, rumores afirmavam que o holandês estava fechando acordo com a equipe Brabham para contar com um novo carro para 1966.

Seu nome completo possui oito nomes. É menor apenas que o de outro nobre, o espanhol Alfonso de Portago, cujo nome completo (Alfonso Antonio Vicente Eduardo Angel Blas Francisco de Borja Cabeza de Vaca y Leighton) possui dez.

    Posts Relacionados